10.000 russos em Compostela

Não, isto não é uma invasão de sovietes. Por vezes parece que o universo liga as coisas do meu passado mais imediato. Há pouco tempo estava a falar da Rússia e agora…

O sugestivo nome de “10.00o russos” pertence a uma banda portuense de rock psicadélico. Coisas da criação de nomes mediante a técnica do cadáver esquisito.

10000

O batalhão de 10.000 russos é realmente formado por duas pessoas: Pedro Pestana, na guitarra, e João Pimenta, voz. Segundo os próprios membros da banda, 10.000 russos é “o equivalente sonoro a uma aldeia do centro da Europa que é atacada por Hunos”. A coisa não podia ser mais vintage, porque o projeto nasceu com uma cassette com 4 temas gravados. Sim, cassette, o universo hipster é mesmo assim: “O CD está completamente morto e o vinil era demasiado caro para uma edição pequena. Optámos pela cassete, porque nos remete para um lado DIY [do-it-yourself]”.

Suponho que a austeridade, o cinema e os ares de Leste são algumas das influências desta experiência musical eclética. Deixo-vos com esta canção. Escolhi-a porque no título aparece a palavra Spartak e foi impossível não me lembrar do meu adorado Moscovo.

Amanhã, dia 17, no Bar Embora às 21h. Não percam, tovarish!