Sim e Si

Este é um post para pessoas muito à frente. Um post afirmativo e positivo.

Vamos fazer hoje uma explicação muito rápida sobre estas duas palavras do título. Tanto Sim como Si existem em português, não pensem que só usamos o Sim. Cada uma destas palavras tem valores diferentes que passaremos a esclarecer. Começo então pelo Sim.

Sim é o contrário do Não. Trata-se de um advérbio para exprimir afirmação, concordância, consentimento…

Convidei-a a vir comigo de férias e ela disse que sim.

Vou agora comentar outros casos para quem está a aprender. Muitas vezes abusamos do Sim em situações em que um nativo não responderia dessa maneira.

Nas respostas:

Quando alguém nos faz uma pergunta onde só há duas alternativas possíveis, dessas de responder Sim/Não, na nossa língua normalmente a resposta afirmativa é com o verbo da pergunta. Nalguns casos até com o advérbio da pergunta, se esta tiver um advérbio. Quero dizer com isto que não é assim tão comum responder com um Sim, normalmente este é um reforço. Acho que com exemplos fica mais claro:

-Queres vir almoçar? Quero (ou Quero, sim)

Já jantaste? Já (ou Já, sim)

Vejam esta situação de Meu amor, você quer casar comigo?. Confiram a resposta…

Como bordão:

Numa conversa informal, quando o nosso interlocutor ou interlocutora está a falar muito e nós queremos indicar que “ainda continuamos aí a ouvir” ou que estamos a afirmar algo já repetido, o que dizemos é Pois.

-(interlocutor): bla bla bla bla bla

-(nós): pois, pois

-interlocutor: bla bla bla bla

-(nós): pois, pois

Ao telefone:

Quando alguém nos liga e queremos responder ao telefonema dizemos Estou ,‘Tou ou .

Suponho que isto é uma recordação dos telefones fixos. Lembram-se de quando alguém ligava e dizia “Bom dia, está a Teresa?” e a Teresa respondia “Estou, sim”.

Comento agora os valores do Si.

-Ele pode ser o nome de uma nota musical: dó, ré, mi, fá, sol, lá, si…

-Pode ser um pronome pessoal: Você dá atenção a si mesmo?; Falou muito de si própria na entrevista de emprego; Guarde para si esta senha

Neste último caso, para não darmos erros, podemos apoiar-nos nas palavras Mesmo/a ou Próprio/a. Se a oração parece que pede uma destas duas palavras, então vamos usar inequivocamente o Si (e não o Sim).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s