Sax Tenor

tenor1Alguém disse uma vez “la cultura gallega está ensimismada”. Há certos núcleos duros que acreditem que a produção cultural galega fala para os seus botões. Felizmente, tenho hoje um argumento para contestar.

Costumamos medir o sucesso em proporções internacionais e sendo nós um país pequeno, devemos equilibrar também essa escala. Em palavras de Elias Torres, devemos considerar-nos um processo e não um produto acabado.

Um dos maiores dramaturgos galegos, Roberto Vidal Bolaño, tem a honra póstuma de ver a sua obra encenada pela companhia lusa Teatro Nacional Dona Maria II. Sax Tenor é a adaptação portuguesa do nosso texto galego. Ultrapassar fronteiras é indicativo de triunfo, de abertura a outros mundos, de criações que se espalham. Nós chegámos lá e Portugal também vem cá, porque a peça já foi levada a palco em muitos teatros lá por fora.

La cultura gallega no está ensimismada, mas é pouco conhecida e pouco conhecida…por nós mesmos. Por vezes de fora as coisas veem-se mais claras e por fortuna, do outro lado da fronteira, souberam apreciar a genialidade de escritores como Vidal Bolaño.

Sax Tenor é uma farsa herdeira da tradição de Valle-Inclán, por assim dizer, um esperpento. Prostitutas, gangues, loucos andam pelas ruas de Compostela. Um assassinato e a tentativa de roubar um saxofone. Toda esta mixórdia compõe o argumento da peça, contada por vezes em flash-back. porque Sax Tenor é dessas óperas contemporâneas à vanguarda, que misturam linguagem cinematográfica e teatro.

Nestes dias 29 e 30 do corrente mês. No teatro Principal de Compostela.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s