De luns a sexta-feira

Uma das primeiras surpresas dos estudantes da nossa língua é a descoberta dos nomes dos dias da semana. Nos rostos das pessoas quase consigo ler: “como assim?”

A origem destes nomes foi uma luta de Martinho de Dume, “o apóstolo suevo”, contra o paganismo. É por isso que outras línguas (o castelhano, o catalão, o italiano, o francês…) conservam nomes de origem pagã que têm a ver com divindades como Marte, Mercúrio, Júpiter, Vénus…

Nomes dos dias da semana com base em sequência numérica ordinal, e não em deuses/planetas, também se encontram em línguas como o árabe, o hebraico, o arménio, o húngaro, o chinês…Isto é, o português não é assim tão esquisito.

De todas estas coisas e mais vai falar o filólogo José António Souto Cabo na Gentalha do Pichel esta terça, pelas 20h30.

E ainda poderemos saber qual é o grau de conservação destes nomes na Galiza. Um bocado de sociolinguística não faz mal a ninguém.

Obrigada à Gentalha do Pichel por esta investigação excepcional. Um contributo mais ao imenso trabalho que a associação faz. Um labor cinco estrelas.

E de aqui: parabéns por esse cartaz tão fixe!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s